Radio   Ver   Baixar  Whatsapp  Telegram   Face

Sri Isvara Puri recebendo a semente do amor a Deus Krishna-prema de Madhavendra Puri, tornou-se o mestre espiritual de Sri Chaitanya Mahaprabhu. Madhavendra Puri não conseguia se mover no final da vida. Assim, fazendo todos serviços humildes, Isvara Puri até mesmo limpava suas fezes e urina. Isvara Puri ajudava seu mestre espiritual [guru] a lembrar de Sri Krishna ao sempre cantar Hare Krishna e contar os passatempos de Radha-Krishna. Satisfazendo Madhavendra Puri através desses atos subalternos, Isvara Puri recebeu o tesouro do amor a Deus Krishna-prema de seu mestre espiritual.

Sri Isvara Puri novamente mostrou exemplar humildade, o ornamento de um verdadeiro deovoto de Deus [Vaisnava], quando primeiro encontrou-se com o mestre Sri Advaita Acharya. Encontrando o mestre [Prabhu] Advaita ocupado em servir a forma de Deus [Deidade] no altar, Isvara Puri sentou-se paciente e timidamente. Embora fosse uma pessoa na ordem de vida renunciada [sannyasa Vaisnava], Isvara Puri apresentou-se dizendo: “Sou uma pessoa da classe mais baixa [shudra].”

Sri Chaitanya Mahaprabhu, o mestre [guru] do universo inteiro, honrou Isvara Puri escolhendo ele como seu mestre espiritual [tomando iniciação dele]. Um dia Isvara Puri veio até a casa do Senhor Chaitanya. O Senhor Chaitanya cozinhou pessoalmente e serviu amorosamente o Seu mestre espiritual. depois de dar o alimento oferecido a Deus Krishna-prasadam, o Senhor Chaitanya esfregou pasta de sândalo em Isvara Puri e ofereceu uma fragrante guirlanda de flores. Por Seu próprio exemplo Sri Chaitanya mostrou como adorar devidamente e servir um mestre espiritual da sucessão discipular de Deus [guru-parampara].

Uma vez enquanto passava no local de nascimento de Isvara Puri, o Senhor Gauranga encheu-Se de enlevo. Tomando um pouco de pó o Senhor disse: “Esta poeira é Minha vida e minha alma.” O Seu túmulo sagrado samadhi fica na Área dos 64 Samadhis 21,14.

Isvara Puri biografia



Doar na CAIXA ou na Loteria
Ag: 0276 Conta Poupança 013/ 6678-1
Danilo Nicolace [Nayana]





Nenhum comentário:

Postar um comentário